A necessidade de empresas de todos os tamanhos, especialmente as micro e pequenas empresas, terem uma boa presença digital, com capacidade de vender online ou remotamente, tornou-se mais importante do que nunca, visto o desafio econômico que marcou o ano de 2020.

Dados parciais do varejo on-line de 2020

De acordo com os dados de Janeiro a Novembro de 2020, o acesso médio em Sites brasileiros aumentou 40% comparado com o mesmo período de 2019.

Segundo dados da Mastercard, o número de brasileiros sem conta em banco caiu 73% nos últimos 5 meses. Isso se dá pela necessidade de utilizar e consumir de forma online, gerado pelo distanciamento social e o receio de contaminação pelo COVID-19.

O Brasil lidera o aumento do comércio online de produtos domésticos, como por exemplo, a subcategoria de alimentação geral, as compras online saltaram de 11 para 31%, as compras de itens de alimentação pronta para consumo imediato subiram 71%.

Ainda com todo esse aumento, 53% dos brasileiros estão dispostos a comprarem mais itens online, ou seja, pode-se entender que o ticket médio online pode aumentar e muito.

Além disso, um dos fatores que impediam as pessoas de comprar online até o início da pandemia era a percepção de falta de segurança nos canais digitais. No entanto, a situação atual permitiu que o setor progredisse nesse sentido, 56% dos entrevistados disseram que consideravam as compras online muito seguras ou seguras.

Hoje, a criação de uma loja online, ou uma página institucional online, podem ser consideradas uma das etapas mais importantes para qualquer empresário, dada a situação desafiadora que enfrentamos. Estima-se que as vendas do comércio eletrônico cresçam mais de 40% entre novembro e dezembro de 2020 ano face ao início de 2020.

Na Borges Cunha Inteligência Digital, estamos empenhados em apoiar os empreendedores brasileiros e gostaríamos de compartilhar cinco dicas que você pode considerar, não apenas para ter uma loja online, mas para fazer resultados formidáveis com a mesma, levando-a para um nível excelente de rentabilidade.

1 – Esteja visível

Em muitos casos, ao decidir como vender online, os empreendedores acreditam que devem escolher apenas um canal. Porém, a melhor estratégia atual é combinar o maior número de canais possíveis, pois cada um pode oferecer diferentes possibilidades. Embora a mídia social seja perfeita para promover seus produtos ou serviços, interagir de forma rápida com seus clientes e direcionar o tráfego para seu site, uma loja online em seu site permite que você pode personalizar o design e a exibição de seus produtos, proteger o processo de compra do início ao fim e utilizar ferramentas de marketing e inteligência digital para se entender melhor com seus clientes e aproximar-se deles.

Você também pode ter vendas simultaneamente de seus produtos ou serviços em sua loja online, além de ter vendas remotas, sem a necessidade que o cliente esteja fisicamente na sua loja ou empresa, seja de qualquer forma, por telefone ou chat.

Lembre-se que clientes que têm real intenção de compra pesquisam no Google sobre o produto ou a empresa, logo o empreendedor necessariamente precisa ter um Site bem desenvolvido. As redes sociais têm feito a tarefa de fortalecer a marca e levar o público para o seu Site, mas novamente, quem já tem a intenção de compra chega até você via buscadores, seja Google, Bing, Yahoo ou outro.

Lembre-se que clientes que têm real intenção de compra pesquisam no Google

A combinação de todos os canais possíveis de forma ordenada pode ser uma estratégia de sucesso para o seu negócio.

2 – Informe os seus clientes sobre as ações especiais que você está tomando

Aproveite os diferentes canais digitais e seu site ou loja online para comunicar as medidas e ações que pretende realizar numa determinada temporada de compras.

Por exemplo, apresente novos produtos, medidas de proteção à saúde, protocolos de entrega e, claro, as promoções especiais que irá realizar nesta temporada. Você pode até mesmo sair na frente de seus concorrentes quando se trata de comunicar tudo isso para seus clientes atuais e os novos em potencial.

3 – Surpresas sazonais!

Todos nós gostamos de surpresas que nos beneficiem, principalmente nosso bolso. Unindo a comunicação das suas ações na temporada, divulgue as novidades que preparou para os seus clientes.

Desconto na primeira compra, promoções para pacotes de produtos, combos, vendas rápidas, programas de fidelidade, uma promoção diferente para cada dia da semana e até um código de desconto para clientes em potencial que não concluíram uma compra na primeira vez, são algumas das ideias que você pode levar em consideração.

Ações são necessárias sempre! Site ou loja que não apresentou novidade em produtos, serviços ou conteúdo estão fadados ao esquecimento dos clientes.

Inclusive o nível de atualização é uma dos critérios de ranqueamento pelos buscadores (Google, Bing, Yahoo…).

4 – Proteja sua empresa e seus clientes

A segurança de seus clientes e de sua empresa deve ser a mais alta prioridade. Para ajudar a garantir que sua reputação de seu site institucional ou de vendas online não sejam manchados é sempre melhor prevenir-se.

A audiência ou compradores esperam que seus acessos, pagamentos e transações sejam seguros. Atender essa expectativa envolve certificar-se de que seu site esteja protegido, desta forma, fornece segurança para seus clientes. Você pode adicionar um certificado SSL para ajudar a proteger a transmissão de informações pelo site. Esta medida de segurança adicional ficará visível para seus clientes com o ícone de cadeado no navegador e o indicador de “site seguro” exibido na linha de URL do navegador.

Outro grande motivo é o seguinte: Você sabia que os mecanismos de pesquisa favorecem os sites com tráfego criptografados com “https” e os colocarão em uma posição mais elevada nos resultados de pesquisa?

5 – Prepare-se para aumentar suas vendas

Um erro comum que os empreendedores podem cometer é não planejar um aumento em suas vendas com base em análises anteriores. Planejar o aumento de vendas, giro de estoque e nível de operação considerando o comportamento do seu negócio nos meses ou edições anteriores de campanhas, pode ajudar a melhorar a experiência dos seus clientes em novas iniciativas.

A atual situação desafiadora e a incerteza podem causar vários eventos imprevistos que podem afetar a experiência do cliente. É por isso que é importante garantir que você tenha estoque de produtos pronto, fornecedores de entrega bem alinhados e outras atividades prontas para quando os pedidos começarem a chegar.

Desta forma, você evita transtornos, falta de estoque, problemas nos envios ou cancelamentos de pedidos.

Desculpas, razões para as falhas ou justificativas não funcionam no mundo online.

Faça tudo com profissionalismo e garanta que o processo de ponta a ponta funcione.

Somente assim, você poderá atender às necessidades de seus clientes quando eles demandarem e consequentemente ajudar a aumentar sua reputação, fidelização e faturamento.

Integrando as Estratégias Digitais com Inteligência

Por fim, lembre-se que em todos os canais – redes sociais, marketplaces e sua loja online no seu site – você deve considerar todas as opções disponíveis que mais se adaptam às necessidades do seu negócio. Por exemplo, se você já tem uma loja online em seu site, ou deseja implementá-la pela primeira vez para aproveitar as vantagens da temporada, a Borges Cunha Inteligência Digital pode ajudar fornecendo-lhe todas as ferramentas de que você precisa, desde hospedagem, domínio e criação de sites até ferramentas de segurança, medição de tráfego e perfil além de itens avançados em marketing.

Encontrar os melhores aliados possíveis para ajudá-lo a atingir seus objetivos pode otimizar seus esforços neste período de adversidade.

Na Borges Cunha Inteligência Digital, estamos prontos para ajudá-lo a preparar sua pequena ou média empresa para uma grande temporada de retomada em vendas para tornar 2021 uma ano de virada de patamar. Permaneça aberto 24 horas por dia, 7 dias por semana, atendendo seus clientes.